Coldplay lança o aguardado álbum “Music of the Spheres”

A banda viaja para o espaço para explorar novas sonoridades e provar que "todo mundo é alienígena em algum lugar"

15 outubro, 2021

Nesta sexta-feira (15), Coldplay lançou o aguardado álbum “Music of the Spheres”. 9º disco de estúdio da banda, o projeto de 12 faixas conta com produção de Max Martin e colaborações de BTS, Selena Gomez, Jacob Collier e We Are KING.

Em uma viagem intergaláctica através de um universo criativo desenhado especialmente para o álbum, a obra explora diferentes sonoridades e inova, entre outras coisas, na forma de chamar cinco faixas — que são intituladas com símbolos. Entre as esferas que dão vida ao “Music of the Spheres” existem, ainda, planetas fictícios que se conectam a cada canção e que se estruturam a partir de diferentes idiomas alienígenas.

Floris, Calypso e Supersolis, por exemplo, são planetas que compõem a narrativa do clipe de “My Universe”, single em parceria com o BTS que o Coldplay lançou no final de setembro e que estreou no topo da Billboard Hot 100 na primeira semana de outubro. Coloratura, Echo, Epiphane, Infinity Station, Kaotica, Kubik, Neon Moon I, Neon Moon II, Ultra e o “planeta perdido” Aurora são os outros astros que integram o sistema solar que a banda chama de “The Spheres”.

Além de “My Universe”, Coldplay já havia revelado o single “Higher Power” e a bela faixa “Coloratura” antes de lançar o novo álbum. A expectativa é que a banda continue trabalhando a colaboração com o BTS na sequência dos primeiros dias de divulgação do novo álbum. A faixa “Let Someone Go”, parceria com Selena Gomez, também deve repercutir nesse período. Poucas horas depois do lançamento do álbum, a balada já entrou no Top 10 do iTunes dos Estados Unidos e se consagrou como o único Lyric Video, entre as faixas inéditas, a alcançar mais de 1 milhão de visualizações.

Sobre a recepção das novas músicas, Coldplay conversou com o Spotify e revelou, dentro do Storyline de “My Universe”, que não se incomoda com as reclamações sobre a mudança de sonoridade da banda. “Muitas pessoas falam que gostariam de ouvir a gente fazendo músicas como fazíamos há 20 anos. No entanto, nós já estamos cansados desse discurso. Os álbuns antigos existem para que as pessoas os escutem”, declararam, completando com o discurso de que gostam de experimentar. “Nós amamos explorar diferentes gêneros, além de trabalhar com outros artistas e não ter medo de tentar coisas novas”, concluíram.

Em conjunto com o lançamento do álbum nas lojas e plataformas digitais, Coldplay lançou Lyric Videos de todas as faixas. Os vídeos que destacam os versos das canções são assinados por Victor Scorrano e Pilaz Zeta, mesma dupla por trás da criação dos planetas e de todo o conceito visual do “Music of the Spheres”. A seguir, assista aos vídeos e cante junto com a banda.

01. Music of the Spheres I

02. Higher Power

03. Humankind

04. Alien Choir

05. Let Somebody Go
// Coldplay X Selena Gomez

06. Human Heart
// Coldplay X We Are KING X Jacob Collier

07. People of the Pride

08.  Biutyful

09. Music of the Spheres II

10. My Universe
// Coldplay X BTS

11. Infinity Sign

12. Coloratura

Outra novidade do Coldplay é a turnê que recebe o mesmo nome do disco. Anunciada um dia antes do lançamento do álbum, a sustentável “Music of the Spheres World Tour” terá seu pontapé inicial em março de 2022 e passará pelo Brasil em setembro do mesmo ano.

Vitor Babilônia

Vitor Babilônia é Editor-Chefe do Viva Coldplay e Roteirista da Rede Globo. Sua formação passa por instituições como Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Vancouver Film School. Ele é fã da banda desde 2004.

error: Content is protected !!