Álbum póstumo de Avicii é lançado com colaboração de Chris Martin

Vitor Porto
6 jun 2019

Hoje (6), o álbum TIM foi lançado pela Universal Music. Trata-se de um CD póstumo de Tim Bergling (que ficou mundialmente conhecido como Avicii). O trabalho apresenta 12 faixas pré-produzidas pelo sueco antes de seu falecimento— triste episódio que ocorreu em abril de 2018.

Heaven, a segunda faixa do álbum, conta com a colaboração de Chris Martin. Os fãs de Coldplay e Avicii escutam burburinhos sobre essa parceria desde 2015 e agora podem conferir uma versão oficial. A música já chegou com Lyric Video! Escute:

Spotify, Apple Music, Deezer e Tidal

Além da voz, Chris participou como autor da música (ele divide a autoria com Tim). De acordo com Phil Harvey, Martin e Bergling escreveram “Heaven” em 2014. Pouco depois, em 2016, Avicii terminou a produção da faixa. Hoje a canção repercute em sua versão final.

Segundo a família de Avicii, o lucro com as vendas do álbum será doado à Tim Bergling Foundation. A Fundação foi criada no inicio deste ano a fim de discutir a prevenção ao suicídio e de ajudar pessoas com problemas de saúde mental.

Hoje também foi lançado um vídeo que conta a história por trás de “Heaven”:

Nós queríamos terminar (a música), mas por conta das agendas dos dois lados isso nunca se tornou urgente. Com o falecimento de Tim, infelizmente tornou-se algo urgente tanto para Chris quanto para nós. Quando tudo aconteceu, eles (Coldplay) entraram em contato e eles foram inacreditáveis, afirma Neil Jacobson- presidente da gravadora Geffen Records.

Após o lançamento da faixa, algumas pessoas estão questionando o motivo do nome de Chris Martin não aparecer como colaboração. Não há uma explicação oficial, mas acreditamos que Chris queira deixar todos os holofotes em Avicii. Além disso, quem acompanha Martin e Coldplay sabe que é comum a ausência de nomes em títulos. Por exemplo, Avicii não aparece em “A Sky Full Of Stars” (faixa lançada por Coldplay), assim como Chris não aparece em “True Believer” (lançada por Avicii), e em outras produções como “Homesick” (de Dua Lipa). Quando falamos de Coldplay, nem mesmo Beyoncé aparece em “Hymn For The Weekend”.

Avicii e Chris em The Story of Heaven (official video)

Chris Martin e Tim Bergling


A relação entre Chris e Tim começou no final de 2013, quando o vocalista do Coldplay convidou Avicii para trabalhar em “A Sky Full of Stars”. O convite foi feito sem consultar os outros membros do Coldplay e já naquela época Martin concordou em participar de uma faixa para a discografia do sueco. Pouco depois, “A Sky Full Of Stars” ocupou a posição de segundo single do álbum “Ghost Stories” (lançado em 2014) e tornou-se um hit mundial. Inclusive, hoje (6) o clipe oficial ultrapassou a marca de 500 milhões de visualizações.

Em março de 2015, Avicii tocou um pequeno trecho de “Heaven” durante o set de um dos seus shows e depois foi ao twitter falar das especulações sobre sua colaboração com Chris Martin. “A ‘faixa com Chris Martin’ foi apenas uma mistura com um vocal antigo. Não está finalizada. Vocês vão ter que esperar um pouco mais para ouvir a verdadeira versão do que eu e ele fizemos juntos. Eu mal posso esperar para que isso estreie”.

Mesmo com a expectativa a respeito de “Heaven”, em 2015 o sueco surpreendeu e anunciou o lançamento de outra faixa com os vocais de Chris Martin. “True Believer” integrou o álbum “Stories”.

No fim do mesmo ano, Coldplay lançou o álbum “A Head Full Of Dreams” e nele mais uma parceria com Avicii: “Hymn For The Weekend”. Tim é creditado como um dos produtores da música.

Continuando a saga de “Heaven”, em novembro de 2017 a Netflix lançou o documentário “True Stories”. Na produção, Chris e Tim aparecem em estúdio no período em que ambos trabalhavam em “A Sky Full Of Stars” e “Heaven”. Confira:

Já em abril de 2018, pouco depois do triste falecimento de Avicii, o DJ Nicky Romero tocou uma versão inacabada da música em um de seus sets. No mesmo ano, o co-produtor Carl Falk revelou que continuava trabalhando na finalização da parceria entre Tim e Chris Martin.

Recentemente, em abril de 2019, a gravadora Universal Music anunciou o lançamento do álbum póstumo do sueco para junho deste ano. Celebrando o legado de Tim, há poucas horas as músicas chegaram às plataformas.

Fonte: Billboard.

Linha do tempo: ColdplayXtra e AVMusicNorway (com adaptação de Viva Coldplay).

Vitor Porto